O governador da Paraíba, João Azevêdo (PSB), se manifestou sobre a soltura do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT), no final da tarde desta sexta-feira (8), em Curitiba-PR. Em suas mídias sociais, o gestor socialista postou uma foto recente de Lula em momento de emoção com familiares dentro da prisão, e criticou, nas entrelinhas, a morosidade da Justiça no caso do líder petista.

“Demorou quase 20 meses para que a justiça fosse feita. Tardou mas chegou”, frisou João Azevêdo.

RC

Já o ex-governador da Paraíba, Ricardo Coutinho (PSB), presidente da Fundação João Mangabeira do PSB, comemorou a soltura do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT), no final da tarde desta sexta-feira (8), em Curitiba-PR. Pelas suas redes sociais, o socialista afirmou que a saída do líder maior do Partido dos Trabalhadores (PT) representa a maior derrota do chamado neo-fascismo brasileiro.

“O Lula sai da prisão muito maior do que entrou mesmo que isso, por si só, não resolva todos os problemas do País e até do campo progressista. Mas, sem dúvida, foi a mais importante derrota do neo-fascismo que manipula desde consciências do Brasil até as instituições”, registrou o socialista.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Fontes: wscom + REDAÇÃO